Wikipedia

Resultados da pesquisa

21 de dez de 2008

APELO DOS DETENTOS (2)

Para o Meritíssimo Juiz da Comarca de Leopoldina, Dr. Alexsander Antenor Penna
Wesley Jerônimo Falcão
Primeiramente quero agradecer a todos que fazem parte desse ato de solidariedade a todos nós, detentos, pela oportunidade que nos proporcionam nesse Jornal.
Estou preso há dez meses pelo artigo 157 e ainda não fui julgado.
Estamos dormindo até dentro do banheiro. Venho através desse meio de comunicação pedir a compreensã
o do Meritíssimo Juiz Dr. Alexsander Antenor Penna.
Eu, Wesley Jerônimo Falcão, ao me informar do meu processo, vi que estou preso há dez meses pelo artigo 157 e ainda não fui julgado. A própria defensoria me comunicou que estou vencendo a pena, por excesso de prazo de condenação. Estou aqui reivindicando os meus direitos.
Mesmo que a minha condenação tivesse saído, seria a mínima e eu já estaria vencendo algum benefício por ser réu primário e ter um bom comportamento. Não subestimando a justiça, mas venho suplicar e pedir que olhem o meu processo para que eu possa ganhar algum benefício, ou até mesmo a minha liberdade.
Sou de muito longe, do estado do Ceará e peço a compreensão do Meritíssimo Juiz para que me entenda. Esta cadeia está superlotada, onde deveria acomodar 7 detentos, encontram-se 29 colocando em risco de pegarmos doenças dormindo até dentro do banheiro. Mas o meu maior pedido é que o Meritíssimo veja e compreenda a minha situação. Desde já muito obrigado.
Wesley
Publicado no jornal Recomeço - Edição 150 - Dezembro/2008

4 comentários:

Comente